Comunidades que Sustentam a Agricultura se expandem por todo o planeta e rompem fronteiras


Publicado em 21/01 às 10h

Por Ariel Molina - CSA Brasil

De 9 a 11 de novembro de 2018, na cidade de Tessalônica, na Grécia, foi realizado o VII Simpósio Internacional de CSA, promovido pela URGENCI, que é a federação internacional de CSA. O evento teve a participação de representantes de mais de 40 países de todo o mundo, e a CSA Brasil estava lá representada.

Durante o primeiro dia foram realizadas visitas a iniciativas gregas de agricultura urbana, conhecidas como “Perkas”, que são áreas destinadas ao cultivo de alimentos por famílias com baixa renda e também refugiadas, para que possam ter sua subsistência. Também foram visitados diferentes modelos de cooperativas sociais, que oferecem uma saída para pequenos agricultores orgânicos escoarem seus produtos e uma alternativa aos consumidores que buscam alimentos saudáveis e fresquinhos.

As primeiras CSA da Grécia estão surgindo a partir de iniciativas como essas.

Durante o evento, foram realizadas diversas oficinas e espaços de vivêcia, abordando temáticas como Segurança Alimentar, advocacia voltada à proteção de direitos básicos de agricultores familiares e formas de se organizarem novos grupos de CSA para grupos iniciantes e veteranos.

As “Comunidades que Sustentam a Pesca” também foram temas de discussão entre os presentes, mostrando que o extrativismo tem buscado, cada vez mais, novas maneiras de organização social e produtiva.

O próximo Simpósio da URGENCI deve acontecer em 2021, no continente sul-americano ou africano; seja no Brasil ou Beni, as CSA continuam fortalecendo a esperança de um mundo mais equitativo a todos, para quem cultiva e produz alimentos e para quem consome, promovendo justiça social!

 



ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA PROMOÇÕES E CONTEÚDOS EXCLUSIVOS