Xique-xique e seus benefícios


Xique-xique e seus benefícios

Publicado em 09/08/2018 às 15:24



O Xique-xique é mais uma planta alimentícia não convencional, típica da região nordeste. Pode ser encontrado em grande quantidade em áreas de caatinga e serve de alimento para os animais nas épocas de seca1,2.

Além da sua importância ambiental, o xique-xique tem sido estudado por suas propriedades nutricionais. Um recente estudo conduzido em modelo animal, mostrou que a administração de solução salina da planta foi correlacionada com redução nos níveis de colesterol total e triglicérides, dado que foi justificado pela presença de flavonoides em sua composição. Ainda, os autores reforçam que nenhuma alteração histológica foi verificada e, portanto, a planta poderia ser mais uma estratégia interessante para problemas metabólicos, sem causar toxicidade3.

Para complementar, uma análise bioquímica da planta também identificou a presença de beta-sitosterol – amplamente utilizado para doenças cardiovasculares – e outros compostos fenólicos – que apresentam potentes atuações antioxidantes4.

O xique-xique também ganha destaque pelo seu potencial como protetor gástrico. Em estudo conduzido em ratos induzidos a problemas gástricos, observou-se que o uso do xique-xique reduziu a formação de lesões gástricas, especialmente pela redução de prostaglandinas e aumento de enzimas antioxidantes no local. Os autores não constataram sinais de toxicidade, e sugerem a planta como segura5.

Esta planta pode ser consumida refogada ou cozida, ou ainda na forma de doces. O xique-xique é mais uma opção nutritiva que faz parte de nossa rica biodiversidade, podendo contribuir com a redução do risco de doenças e melhorando nossa qualidade de vida.

Referências Bibliográficas:

1-LUCENA, C.M.; LUCENA, R.F.; COSTA, G.M. et al. Use and knowledge of cactácea in northeastern Brazil. J Ethonobiol Ethnomed; 9(1):62, 2013.

2-MONTEIRO, E.R.; STRIOTO, D.K.; MEIRELLES, A.C. et al. Genetic structure of Pilosocereus gounellei (Cactaceae) as revealed by AFLP marker to gude proposal for improvement and restoration of degraded areas in caating biome. Genet Mol Re; 14(4):16966-74, 2015.

3-OLIVEIRA, A.M.; FREIRE, M.O. de L.; SILVA, W.A.V. et al. Saline extract of Pilosocereus gounellei stem has antinociceptive effect in mice without showing acute toxicity and altering motor coordination. Regul Toxicol Pharmacol; 95:289-297, 2018.

4-MACIEL, J.K.; CHAVESS, O.S.; BRITO FILHO, S.G. et al. New alcamide and anti-oxidant activity of Pilosocereus goubellei A. weber ex K. schum. Bly. Ex. Rowl. (Cactaceae). Molecules; 21(1):E11, 2015.

5-SOUZA, G.A.; OLIVEIRA, I.S.; SILVA-FREITAS, F.V. et al. Gastroprotective effect of etanol extract of cladodes and roots of Pilosocereus gounellei (A. Weber ex K. Schum.) Blx. Ex Rowl (Cactacea) on experimental ulcer models. J Ethnopharmacol; 218:100-108, 2018.


ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA PROMOÇÕES E CONTEÚDOS EXCLUSIVOS