Ácido fólico durante a gestação e cuidados que precisamos ter


Ácido fólico durante a gestação e cuidados que precisamos ter

Publicado em 08/06/2018 às 15:06



O ácido fólico é um dos nutrientes mais importantes durante os períodos de concepção e gestação, sendo justificada pela sua atuação na formação do sistema nervoso central do bebê, bem como em reações de crescimento, replicação celular e síntese de nucleotídeos para o desenvolvimento fetal e placentário. Assim, diversos profissionais recomendam o aumento do consumo de fontes de ácido fólico - e, quando necessário, o uso de suplementos - durante estas fases.1,2.

Entretanto, o uso de dosagens aumentadas tem sido questionado por muitos pesquisadores, por ser relacionado com alguns desfechos que interferem no desenvolvimento da criança até a fase adulta. Um estudo realizado com dados de 39602 gestantes mostrou que os filhos das que foram expostas a uma suplementação em altas dosagens de ácido fólico tiveram aumento no uso de medicamentos para asma, com maior prevalência de asma recorrente3.

Em uma recente análise, conduzida com amostras de saliva de filhos de mães que receberam altas dosagens de ácido fólico, observou-se que as alterações epigenéticas promovidas pelo nutriente em questão podem perdurar até a fase adulta. Essas alterações são correlacionadas com vias de patogênese de câncer, infecções e problemas metabólicos4.

Outra análise, realizada em modelo animal, constatou-se positiva associação entre a alta dosagem de ácido fólico durante a gestação e resistência à insulina e dislipidemia. Embora o estudo tenha sido realizado em modelo animal, não podemos descartar as hipóteses que são elucidadas com base nos mecanismos bioquímicos observados5.

Por outro lado, a deficiência de ácido fólico é sugerida como prejudicial para a saúde da gestante e do bebê, sendo recomendada avaliação cautelosa sobre as necessidades individuais, para melhor segurança nas condutas estabelecidas.

Referências Bibliográficas:

1-BIRHANU, T.M.; BIRARRA, M.K.; MELONNEN, F.A. Compliance to iron and folic acid supplementation in pregnancy, Northwest Ethiopia. BMC Res Notes; 11(1):345, 2018.

2-HARTGE, D.R.; GEMBICKI, M.; RODY, A. et al. Neural tube defects in embryonic life: lessons learned from 340 early pregnancy failures. J Ultrasound Med; 2018. doi: 10.1002/jum.14642.

3-ZETSTRA-VAN DER WOUNDE, P.A.; DE WALLE, H.E.; HOEK, A. et al. Maternal high-dose acid during pregnancy and asthma medication in the offspring. Pharmacoepidemiol Drug Saf; 23(10):1059-65, 2014.

4-RICHMOND, R.C.; SHARP, G.C.; HERBERT, G. et al. The long-term impact of folic acid in pregnancy on offspring DNA methylation: follow-up to the Aberdeen folic acid supplementation Trial (AFAST). Int J Epidemiol; 2018. doi: 10.1093/ije/dyy032.    

5-MORAKINYO, A.O.; SAMUEL, T.A.; AWOBAJO, F.O. et al. High-dose perinatal folic-acid supplementation alters insulin sensitivity in sprague-dawley rats and diminishes the expression of adiponectin. J Diet Suppl; 16:1-13, 2018.


ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA PROMOÇÕES E CONTEÚDOS EXCLUSIVOS