Consumo de vinho e dores de cabeça


Consumo de vinho e dores de cabeça

Publicado em 24/09/2019 às 14:02



Muitas pessoas apresentam dores de cabeça após o consumo de vinho – dor essa que tem característica pulsante e localização bilateral. Diversos estudos descrevem os possíveis mecanismos por qual o álcool pode induzir dores de cabeça referentes a causadores específicos como histamina, tiramina, feniletilamina e 5-HT, como também os sulfitos. Os sulfitos (SO2) são aditivos que impedem a deterioração dos compostos alimentares e inibem várias enzimas e reações não enzimáticas durante o processo de armazenamento. Eles estão presentes em alimentos como frutas secas e em vinhos brancos e tintos. No vinho, os SO2 possuem funções antisséptico, antioxidante e dissolvente. Pode ser encontrado no vinho forma livre ou combinado com açúcares, aldeídos, cetonas, proteínas e outros compostos1.

Recentemente, foi publicado um estudo avaliando a associação entre a concentração de sulfitos no vinho e a ocorrência de dor de cabeça em 80 voluntários saudáveis. Os participantes foram divididos em dois grupos (com ou sem histórico de dor de cabeça após o consumo de vinho) e submetidos a dois testes (consumo mínimo e máximo de sulfito a partir do vinho de acordo com o peso corporal). Os autores encontraram que aqueles indivíduos com histórico de dor de cabeça apresentaram um risco 2.266 vezes maior de desenvolver dor de cabeça após a ingestão de vinho com quantidades elevadas de sulfito, em comparação com os indivíduos sem histórico. Para aqueles que referiram dores constantes de cabeça após a ingestão de vinho, o risco foi ainda maior: 6.232 vezes maior, em comparação com aqueles indivíduos que relataram apresentar dores de cabeça esporádicas após o consumo de vinho. Embora seja sabido que o vinho possui outros componentes que podem desencadear dor de cabeça em indivíduos susceptíveis, como histamina, tirosina e flavonoides, os autores discutem que os sulfitos podem predispor a dores de cabeça devido ao aumento da excitabilidade neuronal2.

Referências bibliográficas:

  1. Panconesi A. Alcohol and migraine: trigger factor, consumption, mechanisms: a review. J. Headache Pain; 9:19 –27, 2008.
  2. SILVA, M.; GAMA, J.; PINTO, N.; et al. Concentração de sulfito e ocorrência de dor de cabeça em adultos jovens: um estudo prospectivo. European Journal of Clinical Nutrition; 73: 1316 – 1322, 2019.

 

 


ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA PROMOÇÕES E CONTEÚDOS EXCLUSIVOS