Agroecologia: Aplicando sua ciência e filosofia em casa.


Agroecologia: Aplicando sua ciência e filosofia em casa.

Publicado em 10/04/2019 às 15:19



Já pensou em olhar para o seu quintal de uma forma diferente? Se sim, de que forma? Costumeiramente, ao olhar para o quintal, logo pensaríamos na sua decoração e em nosso conforto. E se olhássemos de uma forma diferente – como uma nova decoração que oferece uma fonte de alimentos saudáveis no conforto do lar? Afinal o espaço já está lá, e a capacidade de mudar está em nós mesmos!

Povos de diferentes etnias sempre criaram diferentes formas de interação com o meio ambiente, produzindo não apenas fenômenos biológicos, mas também culturais. Neste contexto, a agricultura familiar pode vir como caminho da construção de um conhecimento popular, que exerce grande contribuição na elaboração de estratégias de um desenvolvimento sustentável1.

Para guiar e trocar informações, as Unidades Demonstrativas (UD) acabaram surgindo como uma articulação política na disseminação do conhecimento para àqueles que queriam participar e modificar suas atitudes em relação à sua interação com a natureza e capacidade de produção, utilizando esses modelos de aplicação das ferramentas de sustentabilidade agroecológica em seus espaços1,2.

Os saberes locais são parte somativa dos processos de pesquisa que buscam compreender as correntes que norteiam os sistemas de reciprocidades dessas comunidades, numa interação social pela informação e confiança na produção1,2.

O Diagnóstico Rural Participativo é um termo utilizado para designar um conjunto de métodos e abordagens que possibilitam às comunidades compartilhar e analisar sua percepção acerca de suas condições de vida, para poderem planejar e agir1,2. Como podemos, então, aplicar estes conceitos filosófico-sociais, políticos e científicos da agroecologia no âmbito doméstico, alcançando maior sustentabilidade em nossos processos cotidianos?

Um quintal produtivo adota um papel fundamental nesse contexto, por ser um espaço passível de intervenção devido a sua facilidade de acesso, no qual pode se cultivar e manter uma variedade de espécies vegetais que fornecerão parte das necessidades nutricionais e alimentares. De acordo com os interesses de quem cultiva, este espaço garantirá maior autonomia, economia, um consumo mais limpo e ecológico dos recursos, reduzindo a dependência de produtos externos e complementando a dieta familiar2.

No quintal, seja ele grande ou pequeno, existem muitas possibilidades quando uma nova perspectiva humana é adotada na ocupação do local, agregando biodiversidade e sustentabilidade.

Confira abaixo, cinco atitudes que podemos desenvolver para aplicar algumas destas ferramentas e tornar nosso ambiente doméstico um local mais agradável, sustentável e agroecológico.

Saiba mais sobre

Compostagem:

https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/136838/1/CPAF-AP-Folder-COMPOSTEIRA.pdf

Reutilização de materiais:

https://www.embrapa.br/documents/1354999/1529097/Folder+-+oficina+sab%C3%A3o+l%C3%ADquido+revisado+-+Agostinho/594bc685-92fe-43e3-a3b0-1d5868e771e1

Hortas em pequenos espaços: https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/176051/1/HORTA-EM-PEQUENOS-ESPACOS-4-IMP-2017.pdf

Frutíferas em vasos:

http://www.jardimcor.com/paisagismo/um-pomar-em-vasos/ - https://www.ciprest.com.br/pomar-em-vasos

Coleta de água de chuva:

https://www.ecycle.com.br/6293-minicisterna-mini-cisterna

https://www.ecycle.com.br/3301-captacao-de-agua-da-chuva-aproveitamento-sistema-cisternas-como-captar-armazenar-coletar-para-aproveitar-vantagens-coletor-modelos-cisterna-ecologica-aproveitando-coleta-pluvial-armazenamento-caseiro-residencial-como-onde-encontrar-comprar

Referências bibliográficas:

1. SANTOS, A.S.; OLIVEIRA, L.C.L.; CURADO, F.F. et al. Caracterização e desenvolvimento de quintais produtivos agroecológicos na comunidade Mem de Sá, Itaporanga d’Ajuda-Sergipe. Rev. Bras. de Agroecologia. 8(2): 100-111 (2013) ISSN: 1980-9735. Disponível em: .

2. PEREIRA, F.J.; SILVA, D.V.; CÂNDIDO, K.S. et al. Práticas educativas em agroecologia: os quintais agroecológicos como Instalação Pedagógica Permanente. 3. EMBRAPA - BRASIL, 2013. Disponível em: .

Luis Gustavo Patricio Nunes Pinto

Graduado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho” (Unesp) de Bauru, integrante da Articulação Regional de Agroecologia (ARA); principais temas de pesquisa: Agroecologia, produção orgânica e biodinâmica, Agricultura familiar, sustentabilidade rural e ambiental.

Jórdi Rovero dos Santos

Graduado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho” (Unesp) de Bauru, cursando Pós-Graduação em Psicopedagogia, pela "Universidade do Sagrado Coração" (USC); principais temas de pesquisa: Agroecologia e produção orgânica, sustentabilidade rural, didática educacional e ensino de ciências.


ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA PROMOÇÕES E CONTEÚDOS EXCLUSIVOS